Nacir tem a missão de qualificar o Chingale ao Moçambola-2019

Este ano o Chingale volta a encetar a luta para o regresso ao Moçambola e escolheu para o arquitecto dessa intenção o técnico Nacir Armando, que no ano passado não conseguiu levar a Associação Desportiva de Macuácua a bom porto, depois de ter sido Sebastião Sitoe a iniciar os trabalhos. Para o director desportivo do Chingale de Tete, Zito Pires, Nacir tem a tarefa de devolver a mística à equipa tetense.

Nacir tem a missão de devolver o Chingale ao Moçambola, de onde nunca devia ter saído. Temos estrutura de uma equipa do Moçambola e só descemos de divisão por causa do que já foi referido anteriormente. Temos plena confiança em Nacir Armando e acreditamos que o Chingale vai regressar ao Moçambola em 2019, disse, confiante, o director desportivo do Chingale, que acrescentou que Nacir é bom trabalhador e gosta de ganhar. Espero que se mantenha até ao fim da época e que juntos possamos transitar ao Moçambola.

Joca Estêvão