Connect with us

REPORTAGEM

PROVINCIAL SÓ INICIOU NA CIDADE

PROVINCIAL SÓ INICIOU NA CIDADE

Das 11 associações provinciais de fu-tebol do país só a da cidade de Mapu-to é que já iniciou com a disputa dos campeo-natos obrigatórios no âmbito do novo quadro competitivo recentemente aprovado pela Federação Moçambicana de Futebol (FMF).

 Tidos como sendo de ca-rácter obrigatório, os pro-vinciais devem decorrer, em princípio, durante Fevereiro e Março, mas só a capital do país, que tem maior número de clubes, é que está a cum-prir com a decisão e desde sábado iniciou com a prova que movimenta 15 equipas divididas em dois grupos.

Enquanto na cidade de Maputo já se disputa o Campeonato Provincial, na maioria das dez associações provinciais do país continua a incógnita. Tal deve-se ao facto de, mais uma vez, os clubes deixarem a questão da sua filiação e inscrição para últimos dias.

Exemplo há como o da província de Maputo, em que o Incomáti de Xinavane, seu representante no Mo-çambola-2020, ainda não estava filiada até quinta-fei-ra quando desafio conversou com José Sendela, presiden-te da Associação Provincial de Futebol de Maputo. A mesma situação é vivida em Niassa, Cabo Delgado e Gaza.

Mesmo assim, grande parte das associações mos-tra-se disponível a arrancar com a disputa do Campeo-nato Nacional da II Divisão a partir do dia 4 de Abril envolvendo todos clubes fi-liados na agremiação, à ex-cepção dos participantes no Moçambola.

Lembre-se que a II Di-visão será disputado em duas fases (I e II). Na fase I vai tomar o formato de um Campeonato Provincial sem clubes do Moçambola e o modelo de disputa será de-finido por cada associação, sendo certo que terá, no mí-nimo, duas voltas no sistema de todos-contra-todos. As associações com um número reduzido de clubes filiados poderão optar por realizar várias voltas entre as equipas envolvidas, para garantir mais jogos aos intervenien-tes durante a primeira etapa.

Por: Atanásio Zandamela
Fotos de Arquivo
{loadmodule mod_sppagebuilder,Leia mais…}

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

More in REPORTAGEM