Connect with us

RELVA SINTÉTICA PARA ALIVIAR TENSÃO EM NACALA

Atensa relação entre as famílias seguidoras dos rivais Desportivo e Ferroviário de Nacala deverá amainar nos próximos tempos, quando se concluírem as obras de montagem da relva sintética no campo dos “locomotivas”.

Por ignorância das entranhas da rivalidade entre os dois emblemas gigantes de Nacala, houve quem acreditou e até convenceu a Liga Moçambicana de Futebol de que, tendo um único campo relvado naquela cidade portuária, estava resolvida a questão de recinto para o Moçambola.

O tempo veio provar que não era bem assim. O Desportivo, proprietário do campo da Bela Vista, desde logo fez valer o seu estatuto de dono do recinto, impedindo a equipa rival de se treinar e até de realizar jogos.

Ano passado, em negociações que envolveram o Conselho Municipal e a própria Liga Moçambicana de Futebol, chegou- -se a acordo para o Ferroviário também usar o campo. Mas não demorou que adeptos e simpatizantes dos “canarinhos” alegassem razões obscuras de feitiçaria praticadas pela equipa rival para os jogadores não entrarem quando o Desportivo recebesse seus adversários

Como se isso não bastasse, a própria direcção do Desportivo determinou uma taxa de aluguer de campo de 50 mil meticais por jogo, fazendo o clube rival admitir realizar seus jogos na cidade de Nampula, como de resto aconteceu no arranque do campeonato.

Perante o clima de tensão sempre presente, a solução desenhada foi a reabilitação do campo do Ferroviário. E as obras estão aí. 

Por: CUSTÓDIO MUGABE
Fotos de Arquivo
{loadmodule mod_sppagebuilder,Leia mais…}

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

More in REPORTAGEM