Connect with us

ENTREVISTA

ESTAR NO CAN TEM DE FAZER PARTE DO ADN DOS “MAMBAS”

ESTAR NO CAN TEM DE FAZER PARTE DO ADN DOS “MAMBAS”

Incentivado pelo irmão mais velho, Nelito (na altura jogador da Ceta), Dominguez, hoje capitão da Selecção Nacional de Futebol (“Mambas”) e um dos melhores artistas da bola que o país viu nascer, começou a dar os primeiros toques no esférico no bairro do Aeroporto, em finais da década 80, tendo sido campeão do Bebec pelo bairro da Malanga, em 1996.

Depois deu-se o salto para os infantis do Estrela Vermelha e, levado pelo “mister” Chico, mudou- -se para o Desportivo, aquele que viria a ser o clube do seu coração e onde pensa em terminar a carreira. Hoje com 36 anos, Elias Pelembe, de nome de BI e pelo qual é tratado no Bidvest Wits da África do Sul, seu actual clube, aborda vários temas, entre os quais o passado marcado pelo título de 2006 no Desportivo, o presente em tempos de Covid-19, o actual momento dos “Mambas” e os planos quando pendurar as chuteiras.

Por: Ivo Tavares
{loadmodule mod_sppagebuilder,Leia mais…}

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

More in ENTREVISTA