Connect with us

ENTREVISTA

CONSTRUIR SELECÇÕES FORTES PENSANDO NO FUTURO

CONSTRUIR SELECÇÕES FORTES PENSANDO NO FUTURO

A participação honrosa de Moçambique na oitava edição do Campeonato Masculino Sub-17 de Futebol da África Austral (COSAFA), que teve lugar no ano passado em Blantyre, Malawi, colocou a selecção de esperanças com título de vice-campeões da África austral, pós derrota na final diante da sua congénere da Zâmbia.

 

Na sua desafiante caminha à final, a equipa treinada pelo professor Victor Matine conseguiu afastar o até então campeão em título Angola, na primeira jornada da fase de grupos. Um percurso marcado por muita luta e algum cepticismo à mistura, após ceder um empate sem golos diante das Comores. Mas a grandeza da nossa selecção viria a mostrar-se. Simon Cipriano carregou Moçambique até às “meias”, marcando os quatro golos da vitória da nossa equipa.

Não nos cansamos de recordar que no ano em que a África do Sul realizou as suas primeiras eleições livres (1994), que conduziram Nelson Mandela à presidência do país, depois de 43 anos de opressão do regime racista e segregacionista do “apartheid”, a Selecção Nacional de Sub-17 de futebol, superiormente liderada pelo professor Martinho Fernandes, afastou a sua similar do Zimbabwe na lotaria de grandes penalidades, nas meias-finais da primeira edição do torneio da COSAFA, tendo vergado na final diante da África do Sul (2-1).

Por: Raimundo Zandamela
Fotos de Arquivo

{loadmodule mod_sppagebuilder,Leia mais…}

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

More in ENTREVISTA