Connect with us

INTERNACIONAL

PITSO NÃO CONSEGUIU RESISTIRAO SALÁRIO DE 120 MIL DÓLARES

PITSO NÃO CONSEGUIU RESISTIRAO SALÁRIO DE 120 MIL DÓLARES

O antigo treinador do Supersport United, “Bafana Bafana” e Mamelodi Sundowns, de 54 anos de idade, o sul-africano Pitso Mosimane, vai treinar o Al Ahly do Egipto por duas temporadas. Pitso chegou ao Cairo, recebido de forma apoteótica, para assumir o comando do Al Ahly do Egipto, o clube do século XX em África e um dos clubes com mais adeptos (estima-se que tenha 20 milhões de fãs) no mundo, e em especial no futebol árabe.

 

O técnico sul-africano já tinha renovado em Maio último o seu contrato com os “Brazilians” por mais quatro anos, mas não resistiu à proposta dos octacampeões africanos, que estará na ordem dos 120 mil dólares por mês (sem contar com os bónus/prémios), tornando- -se no primeiro treinador africano não egípcio do Al Ahly.
Pitso, que foi campeão sul- -africano por cinco vezes e ganhou a Liga dos Campeões Africanos pelo Mamelodi Sundowns em 2016, quando foi eleito pela CAF o melhor treinador de África, assinou um contrato por dois anos e leva consigo dois elementos da sua equipa técnica. “Gostaria de agradecer a todos os membros da direcção do Al Ahly por me confiarem a difícil tarefa que temos pela frente”, disse Mosimane, dirigindo-se à comunicação oficial do clube, acrescentando que “a direcção mostrou confiança em mim e acredita que posso levar a equipa a um estágio maior e melhor. Aos “Red Devils”, digo: dêem- -me espaço e tempo. Levarei o Al Ahly ao próximo nível”.
{loadmodule mod_sppagebuilder,Leia mais…}

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

More in INTERNACIONAL