Connect with us

ENTREVISTA

PRETENDO VER A PATINAGEM VOLTAR AOS TEMPOS ÁUREOS

Décadas 70, 80 e 90: foi nesse período que a patinagem, em particular o hóquei em patins, arrastava para os campos centenas senão milhares de pessoas. A patinagem estava enraizada não só em Maputo, mas nas cidades da Beira, Nampula e Quelimane, também viveiros de bons talentos sobre rodas.

O hóquei tinha inúmeros praticantes e de boa qualidade. Mas nos últimos 20-10 anos, foi aos poucos perdendo o fulgor de outrora, isto apesar de nos últimos anos ter havido uma leva de hoquistas de boa qualidade, sendo que uma parte deles integrou a Selecção Nacional de Sub-19 que esteve presente no Mundial de Barcelona-2019.

São esses momentos que o candidato a presidente da Federação Moçambicana de Patinagem (FMP), Nelson Costa, quer trazer à ribalta. Em entrevista ao “desafio”, o antigo internacional pela Selecção Nacional de hóquei, agora empresário, afirma que a modalidade precisa de uma injecção de gente que ama e vive a patinagem, motivo pelo qual vai concorrer de corpo e alma para dirigir a modalidade e tem fé que a 28 de Novembro próximo ele será o sucessor de Nicolau Manjate, cujo mandato terminou em finais de Agosto.

Por: IVO TAVARES
Fotos de Arquivo

{loadmodule mod_sppagebuilder,Leia mais…}

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

More in ENTREVISTA