Connect with us

REPORTAGEM

LUTAR PARA HONRAR NOSSA BANDEIRA

LUTAR PARA HONRAR NOSSA BANDEIRA

Um mês depois de conquistar, em Andalucia, no Dakar Series, o passaporte que lhe garante a participação no renomado Rally Dakar, que na sua 43.ª edição de 2021 terá lugar, pela segunda vez consecutiva, na Arábia Saudita, o piloto moçambicano Paulo Oliveira já se encontra no terreno a desbravar montanhas com um único objectivo: conseguir uma classificação memorável na sua categoria.

O desafio esteve em conversa com o piloto para colher deste o plano de actividades antes de escalar Jeddah, em Janeiro do próximo ano, para a maior prova do off- -road mundial. Sabe-se que a largada inicia a 3 de Janeiro, em Jeddah, o dia 9 está reservado ao descanso em Ha’ll e a chegada no dia 15, também em Jeddah. Trata- -se dum novo roteiro e com medidas de segurança depois das mortes dos pilotos português Paulo Gonçalves e do holandês Edwin Straver, das motos, em Janeiro de 2020. O piloto moçambicano será submetido a 12 etapas, de acordo com o organização, que já lançou o calendário da competição.

– Faz um mês que chegámos a Maputo depois do que aconteceu em Andalucia e ainda ponderamos fazer uma corrida em Beja, que faz parte do Mundial da Portela. Decorreu no fim-de-semana antepassado, mas devido à pandemia não quisemos correr riscos nenhuns. Começámos a treinar logo no dia a seguir à nossa chegada a Maputo. Reservámos a primeira semana para treinos físicos e a partir da segunda semana iniciámos os treinos de mota. Desde lá até agora temos cumprido religosamente o calendário e o programa de treinos diários, observou o piloto com agenda de corridas ainda para este ano.

Por: GILBERTO GUIBUNDA
Foto de Arquivo

{loadmodule mod_sppagebuilder,Leia mais…}

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

More in REPORTAGEM