Connect with us

REPORTAGEM

TEXTÁFRICA CORRE ATRÁS DE FUNDOS

TEXTÁFRICA CORRE ATRÁS DE FUNDOS

O Grupo Desportivo e Recreativo Textáfrica de Chimoio (GDRT) necessita mensalmente de cerca de três milhões de meticais para custear despesas correntes, segundo o recém- -eleito presidente daquele clube fabril, Acácio Gonçalves.

O referido valor vai ser investido no próximo ano, a partir de Janeiro, visando acautelar as despesas daquele emblemático clube, como o pagamento de salários dos jogadores, treinadores, trabalhadores, alimentação, luz, água, transporte, alojamento e prémios de jogos.

O valor em causa também irá suportar o pagamento ou despesas de três assessores técnicos, cujos nomes não foram revelados, que foram contratados pelo GDRT, cuja missão é de observar o desempenho dos fabris do planalto no Moçambola, a fim de limar os erros cometidos em cada jogo.

Por: BERNARDO JAQUETE

{loadmodule mod_sppagebuilder,Leia mais…}

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

More in REPORTAGEM