Connect with us

REPORTAGEM

TERRORISMO CRIA MEDO MAS NÃO TIRA VONTADE DE COMPETIR

TERRORISMO CRIA MEDO MAS NÃO TIRA VONTADE DE COMPETIR

Presentemente a maioria das modalidades desportivas está em posição de “fora de jogo” em todo o país, devido à pandemia da Covid-19. Como consequência disso os calendários de actividades foram alterados. Há, no entanto, a esperança de que o Governo autorize o retorno do movimento desportivo, a breve trecho, sobretudo quando considerar que a situação da pandemia vai estar sob controlo.

O povo de Cabo Delgado, a par da Covid-19, vive, nos últimos tempos, momentos bastante difíceis devido à guerra dinamizada por terroristas em algumas regiões daquela província. Os terroristas têm estado a dizimar dezenas e dezenas de cidadãos nacionais, matando também estrangeiros em serviço em Cabo Delgado, paralisando actividades, criando medo, receio, desgraça, incerteza e cada vez mais deslocados, que se refugiam em zonas tidas como as mais seguras, muitas vezes sem grandes condições de sobrevivência.

É nessa óptica que desafio perspectivou Cabo Delgado desportivo quando for autorizada a retoma das actividades, ouvindo alguns actores desportivos locais que, ainda que sentindo o medo das acções dos terroristas, foram unânimes em afirmar que o desporto não deve parar, concretamente nas zonas não afectadas pelo terrorismo. Aliás, todos manifestaram a esperança de que o terrorismo não seja mais atroz nos próximos tempos e que não atinja mais pontos de Cabo Delgado, bem como de outros lugares do país.

Por: JOCA ESTÊVÃO

{loadmodule mod_sppagebuilder,Leia mais…}

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

More in REPORTAGEM