Connect with us

MOÇAMBOLA

FESTIVAL DE “PENALTIES” CONCEDE PRIMEIRA VITÓRIA AO DESPORTIVO

Foram três (sim, leu bem!) os “penalties” na tarde de sábado no campo do Afrin, dois para o Desportivo e um para o Textáfrica, todos convertidos em golos, o que fixou o resultado final em 2-1, a primeira dos “alvi-negros”, numa prova que já vai na sétima jornada. Surreal, mas esta tinha que ser a única alternativa num jogo entre duas equipas ansiosas e ávidas em vencer, mas sem avançados com pontaria afinada. Foram muitas oportunidades esbanjadas nos dois lados, sendo que o Desportivo foi o último a sorrir e vai ao clássico com o Costa do Sol na próxima semana com muito alento, ou seja, com razões de sobra para brigar por outros três pontos no Matchiki-Tchiki, onde o “canário” apresenta sinais de gripe aviária.

ENTRADA A TODO GÁS

Foi um duelo de aflitos no campo do Afrin, na Machava, com as duas equipas a entrarem destemidas, jogando olho por olho, afinal este era um desafio para ganhar ou no mínimo empatar para os dois conjuntos. A circular muito bem a bola de pé para pé, o Desportivo chamou a si a responsabilidade do jogo. Os “alvi-negros”, apesar de um equilíbrio aparente na abordagem e processos do jogo, foram mais ousados, pecando no último terço do terreno, onde era notória a falta de discernimento por parte dos seus avançados.

Entretanto, foi o Textáfrica o primeiro a criar uma jogada digna de realce, numa jogada aparentemente inofensiva, onde Sheilo, do vértice direito da área, fez um remate cruzado que traiu o guardião Victor e só parou na barra, que a devolveu para o solo, com outro Victor, o avançado dos “fabris”, a falhar escandalosamente na emenda.

Por: SÉRGIO MACUÁCUA
Fotos de Jaime Machel

{loadmodule mod_sppagebuilder,Leia mais…}

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

More in MOÇAMBOLA