Connect with us

REPORTAGEM

LANÇAMENTO DO LIVRO DE TICO-TICO ESTÁ PARA BREVE

A primeira obra literária do antigo avançado internacional moçambicano, Manuel Bucuane, mais conhecido por Tico-Tico nos meandros desportivos, está para breve, depois de ter falhado há cerca de três meses devido aos condicionalismos da pandemia.

O livro do antigo jogador do Desportivo, Jomo Cosmos e da Selecção Nacional tem como título “Eu tenho um sonho”, em alusão aos vários projectos idealizados por Tico-Tico para o desenvolvimento do futebol, inclusive o de ver os “Mambas” num Mundial um dia. Por outro lado, o autor, que em Agosto completa 48 anos de idade, grande parte deles dedicados aos futebol, pretende, com a obra, transmitir a ideia de que a nossa história tem de ser preservada, ou seja, tem de estar escrita, documentada, pois boa parte dela é apenas transmitida pelos mais velho que quando morrem deixam um enorme vazio.

– “Pelo que sei o país sempre produziu grandes jogadores desde o período colonial. A história dessas pessoas (jogadores) só ouvimos de pessoa a pessoa, de forma oral. Não está documentada, não está registada, o que é mau, pois parecemos ser um povo sem história, quando a temos e é muita rica. Com a obra espero inspirar Quem é Tico-Tico? novas gerações a ter o espírito de documentar a nossa história. Poucos sabem que existiram Eusébio e Coluna que saídos de Moçambique jogaram um Mundial de futebol. Eusébio foi melhor marcador de um Mundial de futebol e poucos documentaram isso, sobretudo em Moçambique, mas são pessoas que nasceram nesta terra e que tiveram reconhecimento global. As pessoas só conhecem o curriculum dos jogadores doutras galáxias, mas não do seu país. Temos que tentar introduzir um arquivo do nosso futebol, pelo que nesta obra é o que tentamos fazer.

Por: SÉRGIO MACUÁCUA

{loadmodule mod_sppagebuilder,Leia mais…}

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

More in REPORTAGEM