Connect with us

REPORTAGEM

BAIXO RITMO COMPETITIVO NÃO REDUZ AMBIÇÃO DOS ATLETAS

BAIXO RITMO COMPETITIVO NÃO REDUZ AMBIÇÃO DOS ATLETAS

Os atletas apurados para representar Moçambique nos XXXII Jogos Olímpicos de Verão, que se disputam de 23 de Julho a 8 de Agosto, prometem muita determinação de modo a representar os 30 milhões de habitantes com alguma dignidade.

Por razões óbvias, praticamente nenhum atleta fala de conquista de medalhas, mas sim de superação, que passa por cada um conseguir resultados animadores, tendo em conta que há modalidades que sequer lograram conquistar uma vitória num torneio olímpico. Aliás, dos 10 participantes apenas dois vão para a segunda edição, nomeadamente Igor Mogne (natação) e Joaquim Lobo (canoagem). A vela e o boxe feminino nunca estiveram em olimpíadas mas são, à partida, modalidades que podem no mínimo passar a primeira fase.

A 11 dias do arranque das olimpíadas de Tóquio, os atletas, que falaram ao desafio na despedida oficial tida no Gabinete do Primeiro-Ministro, Carlos Agostinho do Rosário, lamentaram, grosso modo, a falta de ritmo competitivo por conta das restrições causadas pelo novo coronavírus, contudo não têm ambição reduzida.

Por: ATANÁSIO ZANDAMELA
Fotos de Arquivo

{loadmodule mod_sppagebuilder,Leia mais…}

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

More in REPORTAGEM