Connect with us

REPORTAGEM

ESQUEMA DE ROUBO DA RELVA SINTÉTICA COMEÇOU EM NAMAACHA

ESQUEMA DE ROUBO DA RELVA SINTÉTICA COMEÇOU EM NAMAACHA

As semanas passada e antepassada ficaram marcadas pela notícia de roubo de quantidades consideráveis de relva sintética pertencente à Federação Moçambicana de Futebol (FMF) no recinto do Estádio Nacional do Zimpeto (ENZ). Esta notícia, que foi despoletada pelo presidente da FMF, Feizal Sidat, durante a Reunião Nacional de Reflexão sobre o Desporto, que decorreu na semana antepassada, em Maputo, caiu como que uma bomba. Chocou meio-mundo, entenda-se, o país desportivo e não só.

Não é para menos! A FMF fala de mais ou menos 10 rolos de relva sintética, areia e borracha, que sumiram misteriosamente do ENZ e a Polícia afecta ao local traz um dado novo: parte da relva foi roubada na Namaacha, o seu primeiro destino depois de sair do Porto de Maputo, em 2020, depois de cinco anos retido.

Trata-se de uma relva doada pela FIFA em 2015, mas que a FMF por muito tempo não conseguia a tirar do Porto de Maputo devido aos elevados encargos aduaneiros. Foi a leilão por duas vezes, mas as tais vendas em hasta pública não satisfizeram a Autoridade Tributária (AT), pelo que nenhum proponente-comprador conseguiu obter o produto. A par de 2020, o elenco federativo, na altura recém-eleito, desencadeou vários contactos no sentido de desembaraçar o material retido no Porto de Maputo, tendo o conseguido com diligências de algumas entidades governamentais.

Leia mais em…https://flipbook.snoticias.app.co.mz/login.php

Jornalista E-mail: sergio.macuacua@snoticias.co.mz

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

More in REPORTAGEM